Jazz em Monserrate: Concerto de apresentação reagendado. Saiba mais | Palácio da Pena: visita ao interior apenas com data e hora marcada, indicadas no seu bilhete; não existe tolerância de atraso. Saiba mais

De regresso ao passado na Real Quinta de Queluz, sem nunca abandonar o presente e sempre com um olhar sobre o futuro

Exteriores Palacio Nacional Queluz Credits PSML WP 16 21
Novidade

Locais

Palácio Nacional de Queluz

Datas

23/09/2023 - 10h30

Duração

2 horas

Público

Adultos

Ponto de Encontro

Entrada do Palácio

No tempo em que Lisboa terminava um pouco acima da atual Praça dos Restauradores, toda a sua cintura geográfica se encontrava repleta de pitorescas aldeias, férteis campos agrícolas e nobres quintas. Falamos de Benfica, Lumiar, Belas, Caneças, Odivelas, Sintra e, claro, Queluz. Construída no século XVI como propriedade agrícola e de veraneio dos Marqueses de Castelo Rodrigo, a quinta de Queluz veio a integrar a Casa do Infantado, chegando mesmo a albergar a família real e toda a corte portuguesa.

 


Em contraste com o seu ambiente pacífico e de sonho, onde aparentemente as convulsões do mundo exterior não têm acesso, a Real Quinta de Queluz esteve no centro do furação que no início do século XIX mudou a face da Europa e forçou monarcas deste nosso país europeu a viverem, subirem ao trono e morrerem no continente americano, algo de resto inédito em toda a História europeia.

 


A visita que se propõe é um convite de regresso ao quotidiano da corte portuguesa absolutista e à transição para o Liberalismo, no meio de convulsões políticas e sociais difíceis de imaginar no cenário idílico desta quinta de recreio. No final, espera-nos a todos a maior recompensa que Queluz tem para oferecer: um passeio livre e sem horas marcadas nos labirintos paradisíacos dos jardins da Real Quinta de Queluz.

A participação nesta iniciativa tem o valor simbólico de 1 euro. O bilhete deve ser adquirido na bilheteira online.

A visita guiada é assegurada por António Nunes Pereira, diretor do Palácio Nacional de Queluz.

Saiba mais sobre o monumento

Como chegar