De 28/11 a 8/12, alteração dos horários de encerramento | sábados, domingos e terças: encerramento às 13h (última entrada: 12h); segundas: encerramento às 15h (última entrada: 14h)

Palácio de Monserrate expõe “Altar de Muertos”

Entre 30 de outubro e 8 de novembro, o Palácio de Monserrate expõe um “Altar de Muertos”, bem como um conjunto de fotografias subordinado ao tema “Día de Muertos no México”, que retrata aspetos da celebração deste ritual. Esta iniciativa resulta de mais uma colaboração entre a Parques de Sintra e a Embaixada do México em Portugal. O Parque de Monserrate integra o Jardim do México, tendo por isso uma ligação especial à cultura mexicana, pelo que as parcerias entre as duas instituições são frequentes. A visita à exposição, patente no auditório localizado no 1º piso do edifício, está incluída no bilhete de visita ao Parque e Palácio de Monserrate.

 

A celebração do “Día de Muertos”, que tem lugar a 2 de novembro, é uma das festas populares mais importantes do México, que se manteve viva até aos dias de hoje. O objetivo do ritual é homenagear e celebrar a vida dos entes queridos já falecidos. Para tal, ergue-se um altar em sua memória e nele são apresentados vários tipos de oferendas. É um dia de recolhimento e de oração, mas também de festa, pois existe a crença de que nesse dia os que já faleceram regressam a casa para estarem com os seus familiares e para se alimentarem das oferendas que lhes foram dedicadas.

 

Esta comemoração mexicana de raízes pré-hispânicas, declarada Património Cultural Imaterial da Humanidade pela UNESCO, em 2008, soube adaptar-se à religião Católica trazida pelos espanhóis e sobreviveu durante séculos até à atualidade, sendo considerada um símbolo da identidade nacional do México.

Altar Muertos Site 02