Palácio da Pena: visita ao interior apenas com data e hora marcada, indicadas no seu bilhete; não existe tolerância de atraso.

Ações de responsabilidade social e ambiental da Parques de Sintra em destaque no Brazilian Journal of Animal and Environmental Research

01-04-2022

 

Recentemente, as ações de responsabilidade social e ambiental que a Parques de Sintra empreende foram objeto de um artigo de acesso livre no Brazilian Journal of Animal and Environmental Research. O convite para a elaboração deste artigo partiu da própria revista − que se dedica à divulgação de trabalhos de investigação científica sobre ciência ambiental, medicina veterinária, responsabilidade social, entre outras áreas − após tomar conhecimento das várias iniciativas da empresa nestes domínios.

 

Consciente do seu estatuto e responsabilidades, a Parques de Sintra conduz as suas atividades de forma ética, social e ambientalmente responsável, assumindo vários compromissos em termos de responsabilidade social e ambiental e estabelecendo parcerias com um conjunto alargado de instituições que atuam nestas áreas. No artigo, agora divulgado, são destacados projetos como o protocolo “Património Gera Inclusão”, que, em articulação com a Direção-Geral dos Serviços Prisionais, possibilita a reclusos em fim de pena usufruírem de um posto de trabalho na empresa, permitindo uma melhor adaptação à vida profissional após o período de reclusão; o projeto “Parques de Sintra Acolhem Melhor”, dedicado à criação de condições para visitas mais inclusivas e acessíveis a uma maior diversidade de visitantes, independentemente das suas capacidades; as ações de voluntariado; ou o projeto de responsabilidade ambiental Life Bio+Sintra, que teve como objetivo o envolvimento da população na redução das emissões de carbono.  

Bosque De Sintra Detalhe Borboleta Euphidrias Aurinia E Escaravelhos Sobre Flor Branca De Esteva